sábado, 30 de outubro de 2010

É preciso esclarecer

Hoje pela manhã eu estava ouvindo o programa Dizendo Tudo da Nova Carpina Fm, e ouvi quando o apresentador do programa Francisco Júnior, pessoa pela qual tenho grande estima como eu mesma já havia relatado aqui em meu perfil, rendia elogios ao vereador Dedé Lanche pela grande obra social que o mesmo tem feito no bairro das Três Marias, onde os moradores do local tem acesso a exames, dentistas, crianças com reforço escolar etc. O fato é que realmente é uma bela obra social e quem mais sabe é quem mais precisa certo? Certíssimo. O apresentador falou que apesar da pobreza cultural do vereador ele dava exemplo a muitos vereadores aqui em Carpina que tem um anel de formatura no dedo e não fazem nenhuma obra social. Mas é preciso esclarecer o que ele esqueceu: de que apesar de não ter um anel no dedo ele tem o apoio do gestor do município, assim como o vereador Edílson da Ambulância que também foi citado pelo mesmo e que tem não só o apoio do gestor como a presidência da câmara o que lhe dá pleno acesso a toda verba destinada a câmara. É bem verdade que os mesmos podiam usar o apoio recebido para seus benefícios próprios e pouco se importar com a carência de sua comunidade. Mas estão fazendo bom uso do apoio recebido. Sabemos que com o salário de um vereador é impossível realizar grandes obras e é necessário uma suplementação a mais mesmo com o apoio de comerciantes. É preciso que o povo entenda como funcionam as coisas... Ao ser questionado de certa forma pelo entrevistador de como ele conseguia tal proeza o mesmo respondeu que "só Deus"...E o prefeito também convenhamos.
Portanto é preciso esclarecer dois pontos:
Fazer obras sociais  não é obrigação de vereador(O que torna o ato dos vereadores ainda mais aplausivo sem dúvida), mas o papel do vereador é criar projetos e fiscalizar, este último inclusive, a maioria deles tem feito muito mal. Mas obra social é obrigação da secretaria de ação e assistência social, secretaria esta que está praticamente morta, mas já se destacou quando a secretária era a atual vereadora Marta Guerra. Vereadora esta que criou o espaço esperança, e através de seu exercício na secretaria realizou várias doações como cestas básicas e enxovais para gestantes, foi uma grande incentivadora da Ong dos idosos. Mas a mesma tinha apoio e hoje está de mãos atadas sem ter como fazer muito mais do que aquilo que lhe cabe. E ainda sim, é uma das vereadoras que mais se destaca no plenário, pelo seu trabalho, seriedade, pela sua integridade em um meio corrupto, com seu caráter indivisível e solidário.Cito ela como exemplo, porque a vereadora é uma das poucas que tem um anel e faz jus ao mesmo. É preciso ter cuidado com certos comentários para que não sejamos injustos com quem não merece...
Segundo ponto que é preciso esclarecer: para se fazer grandes obras sociais é preciso de capital. É preciso de DIN-HEI-RO!
É preciso esclarecer...

Amanhã é o grande dia! Dia de decidir o futuro do nosso país! Por isso vote consciente!


Amanhã é dia de decidirmos quem vai ocupar o maior cargo eleitoral de nosso país: a presidência da república. O seu voto vai decidir quem governará nosso país pelos próximos quatro anos. Por isso pense, pesquise o passado do seu candidato, suas propostas, a origem real dos projetos que você julga importante e que tramitam em nosso país e vote! Digo a origem real por que vejo nas propagandas políticas, candidatos que falam de projetos que eles apenas ampliaram, como se tivessem tido origem em seu governo, para confundir a cabeça do eleitor, querendo se escorar em seus antecessores e observo nas ruas que muitos em seu pouco entendimento acreditam e saem espalhando asneiras por aí...Como diz o ditado: papagaio come milho e piriquito leva a fama. Então cuidado para que você não seja ludibriado e injusto com o candidato que realmente mereça seu voto. 
Vote certo! Vote consciente. E o que é votar consciente? Se você tem dialética e alegação(verdadeira), parabéns! Seu voto é consciente!

Então vota Brasil!

E lembre-se: só temos o direito de exigir se tivermos respaldo moral para tal. Será que se você estivesse lá e tivesse as mesmas oportunidades e facilidades que nossos políticos agiria diferente? Leia a matéria abaixo e reflita...

BRASILEIRO RECLAMA DE QUÊ?‏

ESSA HERANÇA É TRISTE...


 
  Reclamando do Lula? do Serra? da Dilma? do Arruda? do Sarney? do Collor? Do Renan? do Palocci?  do Delubio? Da Roseanne Sarney? Dos politicos distritais de Brasilia? do Jucá? do Kassab? dos mais 300 picaretas do Congresso?
Brasileiro Reclama De Quê?
O Brasileiro é assim:
1. - Saqueia cargas de veículos acidentados nas estradas.

2. - Estaciona nas calçadas, muitas vezes debaixo de placas proibitivas.

3. - Suborna ou tenta subornar quando é pego cometendo infração.

4. - Troca voto por qualquer coisa: areia, cimento, tijolo, e até dentadura.

5. - Fala no celular enquanto dirige.

6. -Trafega pela direita nos acostamentos num congestionamento.

7. - Pára em filas duplas, triplas em frente às escolas.

8. - Viola a lei do silêncio.

9. - Dirige após consumir bebida alcoólica.

10. - Fura filas  nos bancos, utilizando-se das mais esfarrapadas desculpas.

11. - Espalha mesas, churrasqueira nas calçadas.

12. - Pega atestados médicos    sem estar doente, só para faltar ao trabalho.

13. - Faz  "gato"  de luz, de água e de tv a cabo.

14. - Registra imóveis no cartório num valor abaixo do comprado, muitas vezes irrisórios, só para pagar menos impostos.

15. - Compra recibo para abater na declaração do imposto de renda para pagar menos imposto.

16. - Muda a cor da pele para ingressar na universidade através do sistema de cotas.

17. - Quando viaja a serviço   pela empresa, se o almoço custou 10 pede nota fiscal de 20.

18. - Comercializa objetos doados nessas campanhas de catástrofes.

19. - Estaciona em vagas exclusivas para deficientes.

20. - Adultera o velocímetro do carro para vendê-lo como se  fosse pouco rodado.

21. - Compra produtos piratas com a plena consciência de que são piratas.

22. - Substitui o catalisador do carro por um que só tem a casca.

23. - Diminui a idade do filho para que este passe por baixo da roleta do ônibus, sem pagar passagem.

24. - Emplaca o carro fora do seu domicílio para pagar menos IPVA.

25. - Freqüenta os caça-níqueis e faz uma fezinha no jogo de bicho.

26. - Leva das empresas onde trabalha, pequenos objetos como clipes, envelopes, canetas, lápis.... como se isso não fosse roubo.

27. - Comercializa os vales-transporte e vales-refeição que recebe das empresas onde trabalha.

28. - Falsifica tudo, tudo mesmo... só não falsifica aquilo que ainda não foi inventado.

29. - Quando volta do exterior, nunca diz a verdade quando o fiscal aduaneiro pergunta o que traz na bagagem.

30. - Quando encontra algum objeto perdido, na maioria das vezes não devolve.

E quer que os políticos sejam honestos...

Escandaliza- se com a farra das passagens aéreas...

Esses políticos que aí estão saíram
do meio desse mesmo povo ou não?
Brasileiro reclama de quê, afinal?

E é a mais pura verdade, isso que é o pior! Então sugiro adotarmos uma mudança de comportamento, começando por nós mesmos, onde for necessário!

Vai votar nos mesmos políticos que nunca saem do poder?
Vai reeleger essa cambada de corruptos que está aí?
Ponha a mão na consciência e mude de rumo!

Vamos dar o bom exemplo!
Espalhe essa idéia!
"Fala-se tanto da necessidade deixar um planeta melhor para os nossos filhos e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta, através dos nossos exemplos..."

domingo, 17 de outubro de 2010

Marina Silva não apoiará nenhum candidato a presidência da república

Marina Silva anunciou agora pouco(domingo,17), que em reunião com a cúpula do PV, foi decidido que será mantida a neutralidade e que não apoiará nenhum dos candidatos a presidência, Marina leu uma carta aberta a qual criticou o uso da fé como arma política mas também fez elogios a ambos os candidatos.

Cássia do Moinho agradece aos seus quase 28.000 eleitores em todo o estado

Na última semana Cássia do Moinho veio a público agradecer os quase vinte e oito mil votos que recebeu daqueles que ela mesma definiu de quase vinte oito mil amigos e por pouquíssimo não garantiram a moça uma cadeira na assembléia. Cássia disse ainda que existe uma diferença da Cássia antes e depois da política. "A Cássia hoje é uma Cássia que conhece a realidade mais de perto e não só pela mídia. É uma Cássia que viu de perto mães sacrificadas com seus filhos que querem trabalhar e não tem essa oportunidade, jovens que estão nas ruas usando drogas e bebendo por não terem oportunidade. O que vi foi essa realidade e isso me ajudou muito como pessoa, hoje sou uma pessoa mais forte e isso serviu para me estimular" disse Cássia se referindo a continuar na luta por uma cadeira na assembléia. A moça não deixou de dar uma alfinetada nos candidatos eleitos, "Eu acredito que a cidade de Carpina e região está orfã de deputado estadual, porque eu não vejo ninguém que tenha ganho na nossa região que tenha capacidade de lutar pelos direitos das outras pessoas, então quero dizer as pessoas da região que não desacreditem da política, a nossa política não pode ser desacreditada pois faremos nossa região andar cada vez mais para trás, o nosso sonho não pode acabar. Muitos eleitores chegam perto de mim tristes e eu entendo sua tristeza. Eu também estou triste. Mas sempre digo a eles que não se preocupem, pois o sonho não acabou e que eles tem que usar o voto cada vez mais consciente, esses 28.000 votos não foram perdidos. Os 28.000 votos, foram votos de consciência, os votos perdidos, foram os votos comprados"  disse."A minha diferença é essa para muitos dos que ganharam, ganharam comprando seus votos, mas os quase 28.000 mil votos de Cássia do Moinho foram votos de sacrífício, porque foi um sacrifício muito grande que a minha família e todo o meu grupo fez para que chegássemos a esse objetivo que infelizmente a gente não conseguiu assumir, mas a gente chegou a quase 28.000 votos e isso é uma vitória, porque eu tive 40 dias de campanha e eu pude mostrar as pessoas o que eu queria e quem eu sou e pude encontrar muitos amigos. Eu fiz muitos amigos nessa campanha e isso me serviu de muita experiência" disse finalizando, "Quero dizer a eles que esses votos eles não achem que foi perdido, foram votos sim, conscientes e bem dados"

Falou bonito! 

Enquanto isso...

O prefeito da cidade da cidade do Carpina lamentou os mais de 7.000 votos que a candidata Cássia recebeu na cidade. "Foram mais de sete mil votos congelados, jogados no lixo, pois todos sabem que era uma candidata sob júdice" disparou o prefeito.


Acima das desilusões

  Na vida todos nós enfrentamos desilusões.

Nos decepcionamos com amigos, parentes, e até conosco mesmo.

Nos desiludimos quando vemos um sonho se transformar em pesadelo, um alvo se transformar numa miragem bem distante, um desejo desaparecer como uma neblina.

A desilusão dói, como um ferimento. Atinge a qualquer um, sem acepção.

Mas o importante é saber que novos sonhos podem ser sonhados, e que um novo dia certamente amanhecerá.

Fomos criados por Deus com a incrível capacidade de nos recuperarmos.

Fomos feitos com a capacidade de sair das cinzas para a glória, do nada para o tudo, da derrota para a vitória.

Como a águia, temos dentro de nós o desejo de voar grandes alturas, portanto também acima das desilusões.

Cada desilusão é um convite a um novo sonho, a uma nova visão da vida.

É um convite a um novo desafio, a um novo caminho...

(Pr. Edilson Ramos) 

Ótimo domingo á todos!

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Hoje é dia da Criança!

Retratos da minha feliz infância!


 Hoje é dia da criança, dia de homenagens, dia de ganhar brinquedo...Mas será que dá para nos orgulharmos da maneira a qual algumas(muitas) de nossas crianças tem vivido? Sabemos que muitas ainda no lugar de ganhar brinquedo e diversão no dia de hoje tem sido vítimas, da fome, da violência física, do trabalho pesado para suas mãos frágeis, da violência sexual...
Muitas tem tido sua infância roubada e nós adultos podemos mudar essa realidade não nos calando diante das injustiças que ocorrem contra elas as vezes na casa de nossos vizinhos bem próximas aos nossos olhos, orientando nossos filhos, tendo responsabilidade, nos preservando para que crianças não venham ao mundo por acidente e cresçam sem base, sem estrutura...
Os direitos da criança não podem ficar apenas no papel!


Homenagem à você, criança

Você criança,
que vive a correr,
é a promessa
que vai acontecer...
é a esperança
do que poderíamos ser...
é a inocência
que deveríamos ter...

Você criança, de qualquer idade,
vivendo entre o sonho e a realidade
espargem pelas ruas da cidade,
suas lições de amor e de simplicidade!

Criança que brinca,
corre, pula e grita
mostra ao mundo,
como se deve viver
cada momento, feliz,
como quem acredita
em um mundo melhor
que ainda vai haver!

Você é como uma raio de luz
a iluminar os nossos caminhos,
assemelhando-se ao Menino Jesus,
encanta-nos com todo teu carinho!

Você é a criança,
que um dia vai crescer!
É a promessa,
que vai se realizar!
É a esperança
da humanidade se entender!
É a realidade
que o adulto precisa ver...
e também aprender a ser...
Os retratos da minha infância são retratos de uma infância feliz
 

A História de Nossa Senhora Aparecida

A santa negra do Brasil

Hoje é feriado nacional e ao contrário do que muita gente pensa o feriado não é por ser dia das crianças mas sim por ser dia da padroeira da Brasil. Então acho que essa postagem é válida até a nível cultural para que ampliemos nossos conhecimentos. Você conhece a história da padroeira de nosso país?


A imagem de Nossa Senhora Aparecida foi encontrada por dois pescadores do Rio Paraíba do Sul, na região de Guaratinguetá, estado de São Paulo, por volta do ano de 1717. Os pescadores Domingos Martins Garcia, João Alves e Filipe Pedroso já pescavam há bastante tempo, sem que conseguissem tirar peixe algum das águas do rio. Foi quando João trouxe em sua rede a parte correspondente ao corpo da imagem e, depois, lançando a rede um pouco mais distante, trouxe nela a cabeça da Senhora. Dali por diante, a pescaria tornou-se copiosa e, receosos de que a quantidade de peixe trazida para os barcos ocasionasse um naufrágio, os três amigos voltaram para casa, trazendo a imagem e contando a todos o prodígio que haviam vivido.
O culto à Senhora não tardou a tomar vulto. À imagem, que representa Nossa Senhora da Conceição, logo foi dado o nome de Aparecida, por ter aparecido do meio das águas nas mãos dos pescadores. Inicialmente instalada em uma capela na vila dos pescadores, já por volta do ano de 1745 teve sua primeira igreja oficial, em torno da qual viria a nascer o povoado e o santuário de Aparecida.
A consagração de Nossa Senhora Aparecida como padroeira do Brasil ocorreu em 31 de maio de 1931, em uma celebração que reuniu, já naquela época, um milhão de pessoas. Os padres redentoristas, responsáveis pelo Santuário Nacional de Aparecida, foram os grandes animadores da construção da Basílica que hoje abriga a imagem da Senhora. O projeto grandioso teve início em 1955, com a concretagem da nave norte. Construído em forma de cruz, possui capacidade para abrigar 45.000 pessoas e possui uma infraestrutura especial para o atendimento de romeiros que procuram o lugar durante todo o ano para prestar culto à Padroeira. No dia 04 de julho de 1980, o papa João Paulo II, em missa celebrada no Santuário, consagrou a Basílica, que recebeu o título de Basílica Menor.
Durante todo o ano acorrem ao Santuário romarias organizadas por grupos religiosos. Algumas, porém, são bastante inusitadas e merecem destaque. No terceiro domingo de maio, ocorre a Moto-romaria, onde motociclistas do Brasil, e de outros países da América Latina, se reúnem no local. No 3º sábado de junho, celebra-se o Dia Nacional do Migrante. E, em 7 de setembro, desde 1995, realiza-se o Grito dos Excluídos, que coincide com a Romaria dos Trabalhadores.
Oração à Nossa Senhora Aparecida
Nossa Senhora Aparecida, aqui tendes, diante de vossa imagem, o vosso Brasil, o Brasil que vem novamente consagrar-se à vossa maternal proteção.
Escolhendo-vos por especial padroeira e advogada de nossa Pátria, nós queremos que ela seja inteiramente vossa.
Que seja vossa a sua natureza exuberante, vossas as suas riquezas, vossos os campos e as montanhas, os vales e os rios, vossas as cidades e as indústrias, vossa a sociedade, os lares e seus habitantes com tudo o que possuem, vosso, enfim, todo o Brasil.
Sim, Senhora da Conceição Aparecida, o Brasil é vosso. Por vossa intercessão temos recebido todos os bens que Deus nos prodigalizou e muitos ainda esperamos receber.
Obrigado por tudo, Virgem Mãe Aparecida. Abençoai, Senhora, o Brasil que vos agradece, o Brasil que vos ama, o Brasil que é vosso.
Protegei a Santa Igreja, preservai a nossa fé, defendei o Santo Padre, assisti os nossos bispos, santificai o nosso clero, amparai o nosso povo, esclarecei o nosso governo, guiai a nossa mente no caminho do bem e da verdade.
Rainha do Brasil, mãe de todos os brasileiros, venha a nós o amoroso reino do Pai. Por vossa mediação, venha à nossa pátria o Reino de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso. Amém.
Fonte: Repórter de Cristo

domingo, 10 de outubro de 2010

Fórum animal - entenda a agressividade do seu cão e aprenda a controlá-la

Muitas pessoas convivem com cães que, embora não sejam considerados agressivos, podem ter uma reação inesperada, dependendo de alguma situação que entenda como sendo de perigo. Por isso, é importante o proprietário estar preparado para evitar e controlar esse tipo de problema.

A princípio deve-se ter o conhecimento de que a agressividade do cachorro pode ter duas causas principais: o domínio e o medo.

A agressão por dominância ocorre quando o cachorro está acostumado com muitas regalias e mimos o dia todo. Ela acontece por meio de um simples rosnado até um ataque real. Neste caso o dono deve mostrar quem é o líder da matilha, mudando alguns hábitos, desde o horário da refeição, até carinho, brinquedo, passeios. Ele deverá obedecer ao seu comando e não ao momento em que ele desejar receber algum mimo.

Já a agressão por medo ocorre quando alguma situação ou objeto traumatiza o animal por algum motivo. Para combatê-la o ideal é mostrar que não existe razão para o medo. O processo deve ser feito com calma e paciência, para o cão obter novamente a confiança. Brincadeiras ou aproximações do objeto que causa o medo, mediante recompensas, faz com que ele esqueça o que aconteceu e volte a adquirir segurança e tranquilidade. 

Fonte: Pet Friends

Calote em militantes na cidade do Carpina...eu já sabia.


Algumas pessoas do grupo político de uma candidata a deputada estadual da cidade que ficaram encarregadas de conseguir militantes para trabalhar na campanha da moça, estão sofrendo pressão dos militantes que estão querendo receber seu dinheiro.

Um certo vereador da cidade que faz parte do grupo político da moça e conseguiu alguns dos militantes foi surpreendido com dezenas de militantes em sua porta querendo receber e ao ligar para o famoso pai da moça, a resposta que ouviu foi de que o dinheiro tinha acabado e que ele desse um jeito(simples assim). O vereador tirou dinheiro do seu próprio bolso e pagou aos militantes. Já com outro integrante do grupo político da moça que também conseguiu militantes para a campanha, as consequências foram ainda piores: o mesmo além de ter sido surpreendido em sua porta pelos militantes, teve até os pneus do carro rasgados pelos militantes revoltados.

sábado, 9 de outubro de 2010

Cúpula do partido verde envia 10 propostas a Serra e Dilma





A cúpula do partido verde encaminhou 10 propostas aos presidenciáveis José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT).  Itens como transparência e ética na gestão pública e reforma eleitoral e política compõe a plataforma verde. Os demais itens que compõe o documento são: educação para a sociedade do conhecimento; segurança pública; mudanças climáticas; segurança social, saúde e assistência social; proteção de biomas; gasto público de custeio e reforma tributária; política externa; e fortalecimento da diversidade socioambiental e cultural. Em cada uma das dez áreas da plataforma, há subitens. Na questão de proteção de biomas, por exemplo, o documento pede veto à aprovação do novo Código Florestal. A plataforma pede ainda a destinação de 7% do Produto Interno Bruto (PIB) em educação, criação do Fundo Nacional de Segurança para complementar o salário de policiais e criação da Agência Reguladora para Política de Mudanças Climáticas.
O PV pede ainda saneamento básico para 75% dos domicílios até 2014 e universalização da rede de esgoto até 2020, limitação do gasto de custeio à metade do crescimento do PIB, política externa com foco no respeito aos direitos humanos, fortalecimento da diversidade socioambiental e conclusão das demarcações das terras indígenas.
Marina Silva disse que o documento intitulado 'Agenda por um Brasil Justo e Sustentável' prioriza as questões que considerou mais importante em sua plataforma de governo. 'Fizemos algo respeitoso com a democracia', disse. 'Espero que seja uma contribuição generosa para este segundo turno.'

Carta de agradecimento enviada pela veradora Marta Guerra aos eleitores

Caros Carpinenses

Venho por meio desta, agradecer  pela expressiva votação depositada nos nossos deputados Antonio Moraes (Estadual) e Raul Henry (Federal)..

Estou extremamente alegre com esse resultado , pois mostra que o nosso trabalho não foi em vão, e me sinto recompensada com esse resultado,  no qual aponta a confiança que o povo Carpinense deposita em meus candidatos.

Tenho certeza ,que eles irão honrar, por cada voto recebido dos nossos munícipes, da nossa região, e do nosso Estado.

Estendo o meu agradecimento, àqueles que me ajudaram, a construir essa campanha, que enfrentou enormes desafios, mas que sempre se manteve com muita honestidade, energia e alegria.

Foi o trabalho incansável, dedicado e militante que nos levou a obter a VITÓRIA.

Por fim, ressalto a minha satisfação pelo vitorioso desempenho dos Deputados Antonio Moraes e Raul Henry. Foi uma grande lição de democracia e um recado direto aos que julgam unanimidade, onipotentes!

Reafirmo meu compromisso em continuar com meu trabalho de “dedicação e por amor a Carpina” ainda mais forte, por uma Cidade mais desenvolvida e com uma vida melhor para o seu povo.

Quero agradecer a todas aquelas pessoas que nos acompanharam nesta caminhada, quer seja no dia-a-dia da campanha ou mesmo apenas com o voto. Para mim vocês são mais que especiais, meu muito obrigado.
Forte abraço,
                                Marta Guerra.

domingo, 3 de outubro de 2010


É hoje Brasil!!!
Hoje é o grande dia! 
O dia da festa da democracia! 
Hoje não existe diferença entre os homens! 
Não importa sua religião, se é preto ou branco, pobre ou rico, anônimo ou famoso, jovem ou idoso! 
Todos tem a mesma voz!
Todos tem o mesmo poder de decisão!
VOTA CARPINA!!! 
VOTA PERNAMBUCO!!!
VOTA BRASIL!!!

Lembrete: Vale lembrar que para votar é necessário um documento com foto, nesta eleição não precisa levar o título, apenas, um documento com foto. Só não vale carteira de estudante hein... Também fica proibído como sempre a campanha de boca de urna, e tomar um goró, portanto lembre-se da lei seca.

sábado, 2 de outubro de 2010

CARTA DE MARINA SILVA A DOM MOACYR GRECHI, arcebispo de Porto Velho (Porto Velho, RO).




Li na Folha (22/5) sua afirmação de que sou frágil e não tenho perfil para a Presidência da República. No início, fiquei triste. Já tinha ouvido algo parecido do senhor, de forma carinhosa, mas ler assim como está no jornal tem outro peso. Refletindo mais, reconciliei-me com sua mensagem.

Quando ando por aí, muitos me dizem que minha luta é de Davi contra Golias. Então vamos conversar sobre passagens bíblicas, que conhecemos bem. Elas se completam e iluminam o que quero dizer. Quando Saul terminava seu reinado, Deus mandou o sacerdote e profeta Samuel ungir novo rei entre os muitos filhos de Jessé. O profeta procurou entre os mais belos, os mais fortes e os mais habilidosos, mas Deus descartou todos. Jessé lembrou então de Davi, o seu filho mais novo, que pastoreava ovelhas. O profeta o achou muito fraquinho, meio esquisito. Mas Deus ordenou que o ungisse rei dos israelitas, porque olhava para o seu coração, e não para a sua aparência.

Foi assim que Davi foi escolhido para ser rei. E logo provou seu valor ao enfrentar Golias, o gigante filisteu, guerreiro acostumado a usar escudo, capacete e armadura e a manejar a espada. O jovem Davi, aparentemente fraco e sem muito preparo para aquele tipo de duelo, ganhou a luta porque não tentou usar a armadura de Saul, que lhe fora ofertada e nem lhe cabia direito. Usou sua própria arma, a funda, e ali colocou a pedra para jogá-la no lugar certo, na testa do gigante.


Assim como o senhor, dom Moacyr, Samuel era homem corajoso, temente a Deus, preparado para o sacerdócio desde um ano de idade. O senhor é muito importante na minha vida, da mesma forma que Samuel foi na vida de Davi. E está me vendo com olhos cuidadosos, preocupados com circunstâncias que talvez me causem sofrimento.

Mas, como sabe por experiência própria, não podemos ficar presos às circunstâncias. Quando o senhor chegou ao Acre, aos 36, enfrentou os poderosos e ficou do lado de Chico Mendes e de todos os que eram aparentemente fracos e despreparados para enfrentar os gigantes das motosserras. Como me ensinou, não me intimido com as circunstâncias e procuro me encontrar com o que está no coração de homens e mulheres sinceros, que, como o senhor, buscam fazer o melhor, apesar das dificuldades e riscos.


Aprendi com o senhor boa parte dos valores que me guiam, entre eles não vergar a coluna às pressões dos interesses espúrios. Por favor, meu amado irmão, não me diga agora que esses valores não servem para governar o Brasil e me fragilizam. Tranqüilize-se: eles são e continuarão sendo a minha força e a minha funda diante dos desafios, qualquer que seja o tamanho deles.


(Publicado originalmente na Folha de S. Paulo em 24 de maio de 2010).

RESPOSTA DE DOM MOACYR
Gostaria de desfazer possíveis ambiguidades de minha entrevista publicada em 22/5. “Fragilidade”, a respeito de Marina Silva, na minha intenção, é mais elogio do que qualquer crítica. Exprimindo melhor meu pensamento, a “fragilidade” se traduz por “sérias dificuldades” que vai enfrentar, caso eleita, para levar à frente o seu governo.

Na verdade, concordo com Marina que o jovem Davi, tão frágil e tão mal armado, venceu o gigante Golias. O Deus de Jesus Cristo está sempre ao lado dos pobres e injustiçados, e nos dá força e coragem até para o martírio. Mas, em geral, não faz milagres, e conta com o trabalho até extenuante de seus discípulos por mundo um pouco mais justo e fraterno. E é assim que Marina tem se comportado desde que a conheço.

Marina não precisa de “mentor político”. E, em caso de necessidade, não seria eu a pessoa indicada. A resposta de Marina (“Ao amado dom Moacyr“) está a altura da Marina que conheço.

DOM MOACYR GRECHI, arcebispo de Porto Velho (Porto Velho, RO).

A fome de Marina Silva


Por José Ribamar Bessa Freire* 


Há pouco, Caetano Veloso descartou do seu horizonte eleitoral o presidente Lula da Silva, justificando: “Lula é analfabeto”. Por isso, o cantor baiano aderiu à candidatura da senadora Marina da Silva, que tem diploma universitário. Agora, vem a roqueira Rita Lee dizendo que nem assim vota em Marina para presidente, “porque ela tem cara de quem está com fome”.

Os Silva não têm saída: se correr o Caetano pega, se ficar a Rita come.

Tais declarações são espantosas, porque foram feitas não por pistoleiros truculentos, mas por dois artistas refinados, sensíveis e contestadores, cujas músicas nos embalam e nos ajudam a compreender a aventura da existência humana.

Num país dominado durante cinco séculos por bacharéis cevados, roliços e enxudiosos, eles naturalizaram o canudo de papel e a banha como requisitos indispensáveis ao exercício de governar, para o qual os Silva, por serem iletrados e subnutridos, estariam despreparados.

Caetano Veloso e Rita Lee foram levianos, deselegantes e preconceituosos. Ofenderam o povo brasileiro, que abriga, afinal, uma multidão de silvas famélicos e desescolarizados.

De um lado, reforçam a ideia burra e cartorial de que o saber só existe se for sacramentado pela escola e que tal saber é condição sine qua non para o exercício do poder. De outro, pecam querendo nos fazer acreditar que quem está com fome carece de qualidades para o exercício da representação política.

A rainha do rock, debochada, irreverente e crítica, a quem todos admiramos, dessa vez pisou na bola. Feio.“Venenosa! Êh êh êh êh êh!/ Erva venenosa, êh êh êh êh êh!/ É pior do que cobra cascavel/ O seu veneno é cruel…/ Deus do céu!/ Como ela é maldosa!”.

Nenhum dos dois - nem Caetano, nem Rita - têm tutano para entender esse Brasil profundo que os silvas representam.

A senadora Marina da Silva tem mesmo cara de quem está com fome? Ou se trata de um preconceito da roqueira, que só vê desnutrição ali onde nós vemos uma beleza frágil e sofrida de Frida Kahlo, com seu cabelo amarrado em um coque, seus vestidos longos e seu inevitável xale? Talvez Rita Lee tenha razão em ver fome na cara de Marina, mas se trata de uma fome plural, cuja geografia precisa ser delineada. Se for fome, é fome de quê?

O mapa da fome

A primeira fome de Marina é, efetivamente, fome de comida, fome que roeu sua infância de menina seringueira, quando comeu a macaxeira que o capiroto ralou. Traz em seu rosto as marcas da pobreza, de uma fome crônica que nasceu com ela na colocação de Breu Velho, dentro do Seringal Bagaço, no Acre.

Órfã da mãe ainda menina, acordava de madrugada, andava quilômetros para cortar seringa, fazia roça, remava, carregava água, pescava e até caçava. Três de seus irmãos não aguentaram e acabaram aumentando o alto índice de mortalidade infantil.

Com seus 53 quilos atuais, a segunda fome de Marina é dos alimentos que, mesmo agora, com salário de senadora, não pode usufruir: carne vermelha, frutos do mar, lactose, condimentos e uma longa lista de uma rigorosa dieta prescrita pelos médicos, em razão de doenças contraídas quando cortava seringa no meio da floresta. Aos seis anos, ela teve o sangue contaminado por mercúrio. Contraiu cinco malárias, três hepatites e uma leishmaniose.

A fome de conhecimentos é a terceira fome de Marina. Não havia escolas no seringal. Ela adquiriu os saberes da floresta através da experiência e do mundo mágico da oralidade. Quando contraiu hepatite, aos 16 anos, foi para a cidade em busca de tratamento médico e aí mitigou o apetite por novos saberes nas aulas do Mobral e no curso de Educação Integrada, onde aprendeu a ler e escrever.

Fez os supletivos de 1º e 2º graus e depois o vestibular para o Curso de História da Universidade Federal do Acre, trabalhando como empregada doméstica, lavando roupa, cozinhando, faxinando.

Fome e sede de justiça: essa é sua quarta fome. Para saciá-la, militou nas Comunidades Eclesiais de Base, na associação de moradores de seu bairro, no movimento estudantil e sindical. Junto com Chico Mendes, fundou a CUT no Acre e depois ajudou a construir o PT.

Exerceu dois mandatos de vereadora em Rio Branco, quando devolveu o dinheiro das mordomias legais, mas escandalosas, forçando os demais vereadores a fazerem o mesmo. Elegeu-se deputada estadual e depois senadora, também por dois mandatos, defendendo os índios, os trabalhadores rurais e os povos da floresta.

Quem viveu da floresta, não quer que a floresta morra. A cidadania ambiental faz parte da sua quinta fome. Ministra do Meio Ambiente, ela criou o Serviço Florestal Brasileiro e o Fundo de Desenvolvimento para gerir as florestas e estimular o manejo florestal.

Combateu, através do Ibama, as atividades predatórias. Reduziu, em três anos, o desmatamento da Amazônia de 57%, com a apreensão de um milhão de metros cúbicos de madeira, prisão de mais 700 criminosos ambientais, desmonte de mais de 1,5 mil empresas ilegais e inibição de 37 mil propriedades de grilagem.


Esse é o retrato das fomes de Marina da Silva que - na voz de Rita Lee - a descredencia para o exercício da presidência da República porque, no frigir dos ovos, “o ovo frito, o caviar e o cozido/ a buchada e o cabrito/ o cinzento e o colorido/ a ditadura e o oprimido/ o prometido e não cumprido/ e o programa do partido: tudo vira bosta”.

Lendo a declaração da roqueira, é o caso de devolver-lhe a letra de outra música - ‘Se Manca’ - dizendo a ela: “Nem sou Lacan/ pra te botar no divã/ e ouvir sua merda/ Se manca, neném!/ Gente mala a gente trata com desdém/ Se manca, neném/ Não vem se achando bacana/ você é babaca”.

Rita Lee é babaca? Claro que não, mas certamente cometeu uma babaquice. Numa de suas músicas - ‘Você vem’ - ela faz autocrítica antecipada, confessando: “Não entendo de política/ Juro que o Brasil não é mais chanchada/ Você vem… e faz piada”. Como ela é mutante, esperamos que faça um gesto grandioso, um pedido de desculpas dirigido ao povo brasileiro, cantando: “Desculpe o auê/ Eu não queria magoar você”.

A mesma bala do preconceito disparada contra Marina atingiu também a ministra Dilma Rousseff, em quem Rita Lee também não vota porque, “ela tem cara de professora de matemática e mete medo”. Ah, Rita Lee conseguiu o milagre de tornar a ministra Dilma menos antipática! Não usaria essa imagem, se tivesse aprendido elevar uma fração a uma potência, em Manaus, com a professora Mercedes Ponce de Leão, tão fofinha, ou com a nega Nathércia Menezes, tão altaneira.

Deixa ver se eu entendi direito: Marina não serve porque tem cara de fome. Dilma, porque mete mais medo que um exército de logaritmos, catetos, hipotenusas, senos e co-senos. Serra, todos nós sabemos, tem cara de vampiro. Sobra quem?

Se for para votar em quem tem cara de quem comeu (e gostou), vamos ressuscitar, então, Paulo Salim Maluf ou Collor de Mello, que exalam saúde por todos os dentes. Ou o Sarney, untuoso, com sua cara de ratazana bigoduda. Por que não chamar o José Roberto Arruda, dono de um apetite voraz e de cuecões multi-bolsos? Como diriam os franceses, “il péte de santé”.

O banqueiro Daniel Dantas, bem escanhoado e já desalgemado, tem cara de quem se alimenta bem. Essa é a elite bem nutrida do Brasil…

Rita Lee não se enganou: Marina tem a cara de fome do Brasil, mas isso não é motivo para deixar de votar nela, porque essa é também a cara da resistência, da luta da inteligência contra a brutalidade, do milagre da sobrevivência, o que lhe dá autoridade e a credencia para o exercício de liderança em nosso país.

Marina Silva, a cara da fome? Esse é um argumento convincente para votar nela. Se eu tinha alguma dúvida, Rita Lee me convenceu definitivamente.

(*) Professor, coordena o Programa de Estudos dos Povos Indígenas (UERJ)e pesquisa no Programa de Pós-Graduação em Memória Social (UNIRIO)



Vou acertar sua idade através do seu lado "Etílico"!


Ficou surpreso?

Então faremos assim, siga os 6 passos descritos abaixo e se EU acertar, fica me devendo um Johnnie RED , ok? 
Não vale trapacear, heim? É rapidinho......... 



Você vai se surpreender! 



Vou dizer sua idade pela MATEMÁTICA Etílica ! 


Não trapaceie! 



1. Primeiro: escolha o número de vezes que voce gostaria de entornar o  líquido que passarinho não bebe na semana (mais do que 1 menos que 10) 


2. Multiplique o número por 2 (apenas para ser ousado) 


3. Some com o número 5 


4. Multiplique por 50 (vou esperar enquanto voce pega uma calculadora, he,he,he) 


5. Se voce já tiver feito aniversário esse ano some 1760. Se não tiver feito, some 1759. 


6. Agora subtraia pelos quatro dígitos do ano em que voce nasceu. 



Voce agora deve ter um número de três dígitos. 
*O primeiro digito foi o número que voce escolheu, acertei? 
**E os próximos dois números são SUA IDADE! (não conto pra ninguém, juro...) 
Agora me deve um Johnnie RED pelo meu talento, certo? (hehehehe....) 


Importante: 

ESTE É O ÚNICO ANO QUE ISSO VAI FUNCIONAR (2010), ENTÃO ESPALHE ENQUANTO PODE.

Militantes fantasmas...



Um certo vereador daqui de Carpina que assumiu o compromisso de levar vinte militantes para o comitê de um candidato a deputado estadual, assim como todos os outros vereadores, até agora não apresentou a lista com os vinte nomes ao coordenador do comitê que insiste para receber a lista desde o início da campanha. O pior disso tudo é que até hoje do grupo dele só trabalharam 12 militantes, poréeem o vereador recebeu o dinheiro dos 12 que compareceram e também dos oito que faltaram durante toda a campanha. Os militantes receberam durante o exercício de suas funções a quantia de R$300,00 dividido em 3 parcelas de R$100,00(parcelas pagas a cada 15 dias), o que significa que sobraram R$800,00 a cada 15 dias, já que faltaram 8 militantes do grupo do vereador a campanha... O que será que ele fez com os R$ 2.400 que sobraram durante toda a campanha??? Será que alguém imagina?

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Aniversário da cidade de Lagoa do Carro

Bandeira de Lagoa do Carro

Prefeita Judite Botafogo

Atrativos turísticos: O famoso museu da cachaça.

Tapetes de arroilos confeccionados na cidade


Atrativos turísticos, históricos e culturais

Famoso açude de Lagoa do Carro
Hoje é feriado municipal na cidade de Lagoa do Carro. Com atrativos turísticos conhecidos em todo país e porque não dizer mundo afora, como a tradicional Feira do Tapete e o Museu da Cachaça, a cidade comemora hoje, 19 anos de emancipação política. E entre as comemorações haverá o tradicional desfile cívico das escolas, devendo ter sua abertura oficial ás 15:00h. E neste aniversário Lagoa do Carro terá um motivo a mais para comemorar pois realizará o sonho do asfaltamento! Desde ontem as máquinas que vão operar o serviço podiam ser vistas na cidade, o que garante mais pontos da prefeita Judite com a população. Pontos positivos! A prefeita garante que as escolas já desfilarão hoje pelo centro asfaltado. Falou e disse!

PARABÉNS LAGOA DO CARRO PELOS SEUS 19 ANOS DE EMANCIPAÇÃO POLÍTICA E POR TODAS AS TUAS CONQUISTAS! 

Cássia do Moinho

Cássia do Moinho
Essa semana correram alguns boatos pela cidade do Carpina que afirmavam que a candidatura de Cássia do Moinho havia sido indeferida pelo TSE, e ontem o pai da moça, Carlinhos do Moinho, respondeu aos boatos destacando o nome família Lapa, afirmando que tudo não passa de uma estratégia da oposição que segundo ele está desesperada, para prejudicar a candidatura da moça, "Cássia é candidata, vai ser eleita como uma das deputadas estaduais mais votadas da região e vai tomar posse no dia primeiro de fevereiro de 2011." Afirmou categórico Carlinhos do Moinho, pai de Cássia.
É esperar para ver...