sexta-feira, 17 de março de 2017

Infraestrutura na área de transportes é tema de debate na Fiepe


Foto: Andréa Xavier/ Fiepe

A Secretaria Estadual de Transportes (Setra) marcou presença na reunião promovida pelo Conselho Temático de Infraestrutura (Coinfra) da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe).

Na ocasião, o gerente geral de Projetos, Luiz Alberto de Araújo, detalhou o projeto do Miniarco, maior obra de mobilidade da Região Metropolitana do Recife (RMR), que terá 14,4 quilômetros de extensão, ligando o entroncamento da PE 35 (acesso à Itamaracá) ao entroncamento da PE-15 com a BR-101 (Hospital Miguel Arraes). O custo estimado é de R$ 160 milhões.  Atualmente, quatro empresas foram autorizadas pelo Governo de Pernambuco para iniciar os estudos técnicos desta importante intervenção.

O gestor falou também dos serviços de recuperação de 30,5 quilômetros da BR-101, no contorno do Recife. A ação custará R$ 192 milhões. O trecho contemplado vai do viaduto sobra a PE-15 (Paulista) até o entroncamento com a antiga BR-101 (Prazeres). Além disso, foi debatido o projeto do Arco Metropolitano.

“Este tipo de iniciativa é muito importante, pois possibilita a troca de experiências. Ouvi importantes sugestões. Também tive a oportunidade de apresentar projetos e ações que o Governo de Pernambuco está colocando em prática, visando melhorar a mobilidade urbana da RMR e da região da Mata Norte e, consequentemente, o escoamento da produção industrial daquela região”, ressaltou Luiz Alberto Araújo. 

 Participaram do encontro, Ricardo Essinger e Fernando Teixeira, presidentes da Fiepe e do Coinfra, respectivamente, além de membros do Comitê de Jovens Empresários, dentre outros.

Marcelo Aragão

Nenhum comentário:

Postar um comentário